Notícias de Jogos: Veja a situação dos grupos para a última rodada.


Nesta segunda-feira, 25, começou a terceira e última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo da Rússia. Começamos a conhecer as 16 seleções que vão seguir vivas em busca das vagas na grande final do dia 15 de julho.

No Grupo A, Uruguai e Rússia, que já estavam classificados, se enfrentaram para saber quem ficaria com o primeiro lugar. A Celeste não deu chances aos donos da casa e venceu por 3 a 0. No outro jogo da chave, Arábia Saudita e Egito jogaram para cumprir tabela e os árabes conseguiram se despedir com uma vitória nos acréscimos.


Já o Grupo B foi marcado pelo equílibrio. Todos esperavam passeios de Espanha e Portugal. Os dois rivais não tiveram facilidade, mas conseguiram a classificação. A Fúria, que ficou em primeiro pelo número de gols marcados, vai encarar a Rússia, enquanto a seleção de Cristiano Ronaldo pega o Uruguai.

Nos outros seis grupos ainda existe briga. Alguns já têm a definição dos classificados para as oitavas, mas as disputas do 1º lugar seguem abertas. Em outras chaves, 3 ou 4 seleções ainda precisam do resultado na rodada decisiva para seguir na competição. O equilíbrio é tão grande até agora que o número de cartões amarelos pode servir como critério de desempate para definir a classificação.

Além de Rússia, Uruguai, Portual e Espanha, outras seleções já classificadas são: Croácia, França, Inglaterra e Bélgica.

Veja abaixo o panorama de todos os grupos e saiba para quem torcer. Clique aqui para ver a tabela completa.

Grupo C - Terça-feira, às 11h
A líder França já está classificada e pode empatar com a Dinamarca para assegurar a ponta. Os dinamarqueses, que avançam com um empate, precisam da vitória para chegar à liderança. No outro jogo, a Austrália precisa derrotar o eliminado Peru e tem que torcer por uma derrota dinamarquesa. Neste caso, a vaga seria decidida no saldo de gols. No momento a Dinamarca tem 1 e a Austrália -1.

Grupo D - Terça-feira, às 15h
Com 6 pontos, a Croácia é a única classificada. Nigéria, Islândia e Argentina ainda têm chances. A Nigéria é a única que depende das próprias forças. Basta vencer a Argentina. Um empate também classifica os nigerianos, desde que a Islândia não vença a Croácia por 3 gols de diferença. As situações mais complicadas são de Islândia e Argentina, que precisam vencer seus jogos e ainda fazer conta no saldo de gols.

Grupo E - Quarta-feira, às 15h
É a mesma situação do Grupo B, com Brasil, Suíça e Sérvia dependendo apenas das próprias forças. A Suíça tem a tarefa mais ‘fácil’, já que enfrenta a eliminada Costa Rica e pode até empatar. Brasil e Sérvia fazem o duelo direto pela outra vaga, com os brasileiros jogando pelo empate. Os sérvios só avançam com empate caso a Suíça perca para a Costa Rica por pelo menos dois gols de diferença.

Grupo F - Quarta-feira, às 11h
Todas as seleções têm chances de avançar. O cenário é tão equilibrado que as vagas podem até ser decididas nos cartões amarelos. A situação mais tranquila é a do líder México, que avança com um simples empate diante da Suécia. Já os suecos precisam vencer por pelo menos dois gols de diferença para não depender de outros resultados.

A Alemanha precisa vencer a Coreia por dois de vantagem para se classificar independentemente do outro jogo. O panorama mais improvável é da Coreia do Sul, que precisa derrotar os atuais campeões e torcem por um vencedor no duelo entre México e Suécia. Neste caso, os coreanos ainda precisam tirar a diferença no saldo.

Grupo G - Quinta-feira, às 15h
Deu a lógica com Inglaterra e Bélgica vencendo os primeiros jogos e garantindo a classificação antecipada. As seleções europeias se enfrentam na quinta-feira valendo a liderança do grupo. Em caso de empate, a decisão do primeiro colocado será no número de cartões amarelos, já que as seleções teriam o mesmo saldo e número de gols marcados. Panamá e Tunísia cumprem tabela.

Grupo H - Quinta-feira, às 11h
Japão, Senegal e Colômbia dependem das próprias forças para avançar. Os japoneses se classificam com um simples empate diante da já eliminada Polônia, que entrou na disputa como cabeça de chave. Já Senegal e Colômbia fazem o confronto direto pela vaga, com os africanos jogando pelo empate. Os colombianos só passam com empate se o Japão perder para a Polônia.

página do jogo do bicho